Tecnologia no campo: 5 tecnologias no campo para facilitar a vida do agricultor

Planejar detalhadamente o plantio, gerenciar cuidadosamente todas as atividades, calcular custos, lidar com imprevistos. Trabalhar no campo não é tarefa e exige muita dedicação dos agricultores. Felizmente, o desenvolvimento da tecnologia, esse trabalho vem sendo um pouco mais facilitado.

Com as inovações de mercado, o agricultor tem na tecnologia, um grande parceiro para ajudá-lo na rotina no campo. Abaixo, listamos 5 tecnologias no campo que chegaram para facilitar a vida do agricultor. Confira.

1 – Drones

Grande queridinho do momento, os drones são sucesso no mundo inteiro, seja para entreter, seja para desempenhar funções primordiais na lavoura. Controlados remotamente no ar, os drones são bastante versáteis para ajudar o agricultor, já que desempenham várias funções e têm um custo relativamente baixo, dependendo modelo. Atualmente é possível encontrar um drone por R$ 5 mil. Já os mais tecnológicos podem chegar a custar R$ 120 mil.

Se bem utilizado, os drones podem proporcionar diversos benefícios, como: acompanhamento e análise da lavoura, auxílio na pulverização das plantações, vigilância da lavoura e dos animais, facilitação na telemetria, monitoramento de desmatamentos e muito mais.

2 – Veículos autônomos

Outra inovação são os veículos autônomos, que não precisam de motorista para realizar o trajeto desejado. A indústria de máquinas pesadas tem dedicado-se bastante no desenvolvimento e aprimoramento destas máquinas, fabricando protótipos de tratores autônomos que realizam o trabalho sem a necessidade de acompanhamento humano na rota.

A tendência é que nos próximos anos estes tratores autônomos realizem operações ininterruptas, trabalhando durante 24 horas por dia no campo e consequentemente aumentando a produtividade e a precisão na atividade agrícola. Isso ocorrerá por conta do desenvolvimento da robótica, inteligência artificial e as múltiplas câmeras e GPS, além de inovadoras tecnologias que detectam obstáculos que estão à frente.

3 – Software de gestão

Uma inovação que facilita a vida do empreendedor rural são os softwares e aplicativos de gestão para auxiliar na operação administrativa da propriedade. Como todos sabem, a agricultura envolve diversas etapas que precisam ser realizadas para atingir o resultado final. Tudo precisa ser detalhadamente planejado para obter os melhores resultados: hora de plantar, de irrigar, de colher… tudo precisa ser exatamente calculado.

Pensando nisso, esses softwares de gestão agrícola são feitos para te ajudar a organizar, planejar e calcular tudo que deve ser feito. Basta inserir os dados que ele irá avisá-lo das atividades a serem realizadas, das projeções de resultados, entre outras coisas. Hoje, as famosas planilhas de papel, usadas antigamente para tentar organizar a gestão, deram lugar as planilhas digitais, que estão armazenadas no computador, no smartphone ou tablet e até na nuvem, podendo ser acessadas quando e onde quiser.

4 – Internet das Coisas

A Internet das Coisas (IoT) é outro tema que vem sendo bastante discutido no campo nos últimos anos. A IoT é definida pela conexão de aparelhos gerando uma rede de informações úteis ao usuário e essa tecnologia já vem sido usada há muito tempo em outras áreas, ganhando cada vez mais força na agricultura.

Sendo um dos pilares para a agricultura de precisão, a Internet das coisas consegue integrar diversas informações do campo, como: localização geográfica, previsões meteorológicas, dados do solo, dados das máquinas em atividade e muito mais. Com esses dados, dependendo da necessidade do solo ou da máquina, ou mesmo da previsão meteorológica, o agricultor consegue tomar decisões mais rápidas que impactam diretamente nos resultados.

5 – Aplicação em taxas variáveis

Mesmo sendo uma tecnologia já há mais tempo no mercado agro, a aplicação de insumos em taxas variáveis garante uma produção mais uniforme e ajudam a aumentar o rendimento médio de sacas por hectare nas lavouras.

Para aplicação dessa tecnologia é necessário fazer todo um estudo da região, com mapas de fertilidade, mapas diagnósticos e mapas de aplicações. Essas informações são essenciais para o sucesso da agricultura de precisão. Algumas empresas disponibilizam várias alternativas para gerar mais produtividade ao produtor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *